• Agnaldo Castro

É possível fazer várias cirurgias de uma vez só?

Quando os pacientes decidem passar por uma cirurgia estética, logo me perguntam se podem associar mais do que um procedimento. A intenção, geralmente, é aproveitar a cirurgia e a internação para realizar alguns desejos ou necessidades de uma só vez.


A resposta que costumo dar para eles é: depende! A opção existe, sim. Podemos realizar cirurgias combinadas, mas é fundamental avaliar algumas questões para termos mais segurança e tranquilidade.

Por exemplo, podemos realizar o implante de silicone com a abdominoplastia ou com lipoaspiração.




Quais os fatores a serem considerados para associar cirurgias?


A possibilidade da associação de cirurgias vai depender, principalmente, das condições clínicas do paciente. Para estas situações, é essencial que ele ou ela tenha boas condições de saúde, com peso adequado e que se saiba sobre histórico familiar de doenças ou problemas que possam aumentar os riscos de complicações cirúrgicas.


Existem critérios que são utilizados para ajudar a definir quais procedimentos estéticos podem ser realizados simultaneamente. Eles servem para aumentar a segurança do paciente e tornar a recuperação mais tranquila.


O protocolo a ser seguido no pré-cirúrgico começa com o questionamento sobre hábitos de vida, uso de remédios ou anticoncepcionais e histórico de trombose na família, por exemplo, bem como possíveis riscos para isso. São perguntas essenciais para seguirmos adiante.

É de extrema importância saber se o paciente fuma, tem pressão alta, diabetes, faz uso de certos tipos de medicações ou se teve complicações com anestesia em outras cirurgias.


Tempo de cirurgia


Esse é um dos fatores levados em consideração na hora da avaliação de uma combinação de procedimentos. A recomendação da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) é que operações cirúrgicas tenham duração máxima de 5 a 6 horas.


É muito importante que o cirurgião plástico conheça as recomendações dos órgãos responsáveis e planeje adequadamente a junção de técnicas. Isso garante mais proteção ao paciente, assim como vai impactar nos resultados dos procedimentos.


Quais os benefícios de fazer cirurgias plásticas ao mesmo tempo?


Apesar dos riscos relacionados a qualquer cirurgia – e, em especial aos procedimentos combinados - existe uma série de benefícios que motivam o desejo dos pacientes por isso.


O principal deles é estar em uma mesa de cirurgia uma única vez, além de muitas vezes a associação de cirurgias gerar um melhor resultado - como é o caso da combinação de abdominoplastia com lipoaspiração, por exemplo, nas pacientes que apresentam lipodistrofia (acúmulo de gordura) juntamente com o excesso de pele abdominal. Outros pontos que são levados em consideração são:

  • Custos: o paciente tem um custo único com internação, anestesia e outras despesas hospitalares;

  • Exames: todo o pré-operatório pode ser feito de uma única vez;

  • Repouso: apesar de ser um pós-operatório mais restritivo, o repouso é realizado de uma só vez.

Em resumo, é possível fazer mais do que uma cirurgia plástica (geralmente duas) ao mesmo tempo. Mas cada caso deve ser avaliado individualmente pelo cirurgião plástico.


Marque a sua consulta!


A avaliação de um cirurgião plástico é imprescindível antes de você optar por qualquer procedimento. Por isso, procure um profissional experiente e que seja reconhecido como especialista.


Nossa clínica está à sua disposição. E você pode marcar sua consulta agora mesmo aqui pelo site. Te espero no consultório!


 

Dr. Agnaldo Castro | Cirurgião Plástico

CRM 164631 | RQE 79273